© 2020 por Cambra Águas Lda

  • Facebook Social Icon

Furos de captação de água

Esta é a nossa principal atividade.  Os nossos equipamentos aliados ao conhecimento e experiência adquiridos ao longo dos anos permitem-nos adaptar e responder de forma célere e eficaz às mais variadas situações.

O que é um furo de captação de água?

Os furos de captação de água podem dividir-se em furos verticais e furos horizontais, conforme a direcção da perfuração executada.

Os mais comuns são os verticais, que apresentam de uma forma geral o seguinte esquema:

Como se pode observar no esquema, na fase inicial o furo é construído com um diâmetro superior. A este diâmetro superior corresponde a posterior aplicação do tubo de proteção que tem como função isolar o terreno menos compacto e impedir que águas superficiais se infiltrem na captação.

Após se fazer este isolamento inicial a perfuração continua, agora com um diâmetro inferior, até que se alcancem os parâmetros pretendidos. Atingidos os referidos parâmetros o furo é entubado na totalidade de metros feitos. De acordo com os aquíferos intercetados e a profundidade dos mesmos são aplicados tubos ralos (com "cortes") que permitem a entrada da água que será bombeada pelo grupo submersível.

Como é feita a perfuração?

Existem essencialmente dois métodos de perfuração, sendo que a escolha do método a utilizar depende das características do solo a perfurar.

  • Rotopercurssão com ar comprimido : este método, utilizado em terrenos rochosos, baseia-se na ação cortante de uma ferramenta, à qual se impõe um pequeno movimento de rotação e um movimento de percussão, do qual resulta, simultaneamente, o corte, a fragmentação e o esmagamento dos detritos. A limpeza destes detritos é feita por ar comprimido.

  • Perfuração a lamas: neste método, aplicado em terrenos sedimentares, não é utilizada nem percussão nem ar comprimido. A perfuração é feita pelo movimento de rotação de um trépano giratório. A limpeza do furo durante a sua construção é garantida pela circulação de lamas que têm como função transportar até à superfície os detritos resultantes da perfuração e também evitar o desmoronamento das paredes do furo. As lamas resultam habitualmente de uma mistura de bentonite com água.

O que é necessário para licenciar a captação?

A emissão da licença para construção do furo e posterior exploração da captação é da responsabilidade da APA (Agência Portuguesa do Ambiente). Sem qualquer custo adicional a nossa empresa trata de todo processo burocrático, desde o requerimento para obtenção da licença necessária para construir o furo até à elaboração do relatório técnico da captação que deve ser entregue na APA depois de finalizados os trabalhos.